quinta-feira, 22 de junho de 2017

Como tingir roupas em casa? Jaqueta antes e depois


Como tingir roupas em casa?

Este assunto não é nenhuma novidade aqui no Landscape, mas eu nunca me canso de falar sobre ele!  

Eu adoro tingir roupas em casa porque é um jeito simples e barato de dar vida nova a qualquer peça de roupa. Isso foi exatamente o que aconteceu com esta jaqueta.

Ela é uma jaqueta de sarja, 100% algodão, que tinha uma mancha amarelada na parte de trás.

Dica importante: a tinta não consegue cobrir manchas, assim como não cobre estampas. Eu nunca consegui tingir com sucesso peças de roupas manchadas e/ou estampadas. Por isso, antes de tingir peças manchadas, certifique-se de retirar as manchas antes de começar o processo de tingimento.

Como tingir roupas
Antes
Depois da jaqueta lavada e sem manchas, comecei todo o processo de tingi-la.


Como tingir roupas
Depois

Como tingir roupas
Depois
Este foi o resultado!  Eu usei um tubinho de tinta Tingecor, da marca Guarany, da cor Natier.

Para saber mais:




Até a próxima,

Thaís

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Conheça agora as novas ilustrações “in Love” do studio@thaismelo!

Ilustração Thaís Melo

Músicas sempre me inspiram!

Essa inspiração musical me ajuda em todos os momentos: quando eu vou costurar uma peça nova, escrever um post para o Landscape e, principalmente, fazer um novo desenho ou bordado.

Ilustração Thaís Melo


Ilustração Thaís Melo


Ilustração Thaís Melo

Nas novas ilustrações para o studio@thaismelo, as músicas literalmente foram as grandes estrelas! Desta vez, em vez de desenhos, eu decidi criar posters usando pequenos trechos de músicas que eu tanto adoro! O resultado foi uma mistura de linhas, curvas e pequenos toques de cor, em uma experimentação com lettering e lápis de cor!

Toda a idéia surgiu no momento em que eu estava escutando a música Love, do John Lennon, e esta simples palavra foi a chave para encontrar todas as letras e trechos para as novas ilustrações =)

Eu espero que vocês gostem das novas ilustrações, que viraram camisas, posters, cartões e lindas bandeirinhas!  

Ilustração Thaís Melo


Não deixe de conhecer um pouco mais do studio@thaismelo, no Colab55, e toda a história por trás dos meus desenhos =)

Até a próxima e uma ótima segunda-feira para todos!

Thaís

quarta-feira, 7 de junho de 2017

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Faça você mesmo: Capa de retalho para puff

Como renovar puff antigo

Como renovar um puff antigo e desgastado gastando pouquíssimo dinheiro?!

Foi esta a pergunta que surgiu na minha cabeça quando a minha mãe me perguntou o que poderíamos fazer para renovar o puff da sala. A minha solução foi fazer uma capa de retalhos para ele =)

Para mim, capas são super práticas e de fácil manutenção: se sujou, basta retirar e lavar. Eu gosto tanto de capas removíveis, que eu já mostrei um tutorial de como fazer uma capa removível para cadeira de rodinhas. Ou seja, além de práticas, nós podemos ter mais de uma e renovar o ambiente sempre que quisermos.  

A escolha pelos retalhos não foi aleatória. Minha mãe adorou uma poltrona forrada com retalhos que ela viu em uma loja de decoração, então eu sabia que ela gostaria do resultado, além do fato de eu poder dar vida a todos os meus retalhos, e do custo, que seria, praticamente, zero.

Como renovar puff antigo


Depois de decidido como ficaria a capa, eu medi todo o puff (a parte de cima e as laterais), determinei o tamanho de cada retalho e comecei todo o processo de cortar os tecidos e combiná-los entre si.  No total foram 144 quadrados de 10 cm x 10 cm, separados em 12 fileiras com 12 quadrados.

Como renovar puff antigo

O processo foi longo, mas valeu muito a pena!  Eu demorei cerca de dois meses para terminar toda a capa, mas eu fiz tudo com muita calma. A parte mais legal do projeto foi combinar os diferentes retalhos entre si =)


Como renovar puff antigo


Se você quer renovar algum item usando tecido e gastando muito pouco, não se esqueça: Use os seus retalhos!

Eu espero que tenham gostado!

Até a próxima,

Thaís

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Descubra 6 bons motivos para você começar a costurar suas próprias roupas.

Eu já contei algumas vezes aqui no Landscape o grande motivo por trás da minha vontade de começar a costurar as minhas próprias roupas: não encontrar uma calça jeans para comprar que eu realmente gostasse.

Desde aquele dia em que eu coloquei na cabeça que eu aprenderia a costurar, eu não tenho nenhum motivo para me arrepender desta decisão! Pensando nisso, eu decidi escrever este post, para listar 6 ótimos motivos para você, que acha que não leva muito jeito com a costura, começar a se aventurar neste universo =)

Costura para iniciantes


Costurar não é tão difícil quanto parece.

Costurar não é tão difícil quanto parece. Isso é a pura verdade. Se você não entende nada de costura, comece devagar e com moldes mais simples. No começo, nada de zíper, pregas ou botões. Opte por modelos simples e mais larguinhos, e aos poucos você terá mais confiança para costurar e começará a se aventurar por moldes mais complexos. O importante é não ter medo de errar. Se não ficou bom na sua primeira tentativa, tente novamente. Eu garanto que valerá a pena =)


Molde vestido com manga japonesa
Costurinhas

Costurar nossas próprias roupas pode ser uma grande economia.

Quando passamos a costurar nossas próprias peças, percebemos como podemos economizar com roupas. Existem diversos tipos de tecidos e, logicamente, alguns serão mais caros do que outros. Com um metro e meio de tecido, por exemplo, podemos fazer uma bela saia de viscose gastando apenas R$15,00!



Começamos a prestar mais atenção no que vamos comprar e sabemos quanto vale a pena investir em uma nova peça.
Atualmente, eu sou muito mais seletiva para comprar uma peça de roupa do que eu era antes de aprender a costurar. Enquanto antes eu comprava o que via pela frente, hoje eu analiso não apenas se a roupa veste bem, mas analiso o tecido, os acabamentos e, principalmente, a qualidade da peça como um todo. Desta forma, eu sei quanto vale a pena investir em uma nova peça ou não.


Aprendemos a vestir o que realmente gostamos.
Isso foi uma das melhores descobertas que fiz com a costura. Eu descobri que eu adoro peças com cintura marcada e mais alta, por exemplo. Quando aprendemos a costurar, podemos fazer uma peça que combine conosco, do jeito que queremos e não apenas contar com a sorte de encontrar uma roupa que fique bem em nós.


Começamos a descobrir o nosso estilo na hora de se vestir.

Eu não sou uma pessoa que adora moda (ou modismos), eu gosto de vestir o que gosto, independente se aquela peça está na moda ou não. Mas esse pensamento surgiu depois que eu comecei a costurar. Ter a certeza do que gosto de vestir, do que eu quero costurar, acabou me ajudando a descobrir que tipo de roupas eu realmente gosto e saber que aquela roupa combina comigo é algo muito bacana.

Molde vestido
Vestido com estilo retrô

Não existe nada mais legal do que usar uma roupa feita por você.
Eu adoro essa sensação! Atualmente, cerca de 70% do meu guarda-roupa foi costurado (ou modificado de alguma forma) por mim. Por isso, quase sempre eu estou vestindo algo que eu mesma fiz. E não existe nada mais legal do que alguém elogiar sua roupa e você responder: Obrigada! Fui eu que fiz =)
Então? Vamos começar a costurar as nossas próprias roupas?!

Para quem não sabe por onde começar, não deixe de olhar a série Eu Não Sei Costurar, com moldes e dicas sobre costura. E se tiver qualquer dúvida, não deixe de falar comigo, através dos comentários ou pelo e-mail myownlandscapedreams@gmail.com .

Eu espero que tenham gostado,

Até a próxima,

Thaís

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Até amanhã: Frete Grátis no studio@thaismelo nas compras acima de R$ 89,00!

Frete Grátis nas compras acima de R$ 89,00 em qualquer item do studio@thaismelo!

Para aproveitar a promoção que vai somente até amanhã, basta clicar na imagem abaixo!

Frete grátis no studio@thaismelo

Ainda não conhece o studio@thaismelo? Clique aqui

Quer conhecer um pouco mais sobre as minhas ilustrações e ilustrações bordadas? Clique aqui

Uma ótima quarta-feira para todos!

Até a próxima,

Thaís

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...